CÁSSIA
Texto: João Geraldo Kuhlmann
Pintura: J. B. de Paula Fonseca
Deforestation


CÁSSIA ADIANTIFOLIA Spruce.

(Leg. Caes.)

Observações: Árvore de certa originalidade porque suas folhas lembram as de algumas felicineas (samambaias). Ostentando flôres côr de ouro imiscuídas entre o vêrde brilhante da folhagem. É indicada para arborização urbana em geral – Encontra-se no Amazonas.

Floração: Floresce nos meses de Agosto, Setembro e Outubro.

Tree with leaves somewhat similar to the leaves of certain filices (ferns); the golden flowers appear through the brilliant green foliage. For general arboriculture. It is found in the Amazon region. Flowers from August to October.

CÁSSIA GRANDIS L.
(Leg. Caes.)

Nome vulgar: CANA FISTULA

Observações: É uma das mais adequadas árvores para a arborização urbana, graças à beleza das flores côr de rosa, elegância do pórte e disposição das folhas. É originária da Amazônia. Floresce nos meses de Novembro e Dezembro.

Floração: Quando em plena florescência, lembra o pessegueiro em flor. Caem, nessa fase, quase todas as fôlhas, sendo uma das poucas cassias de flôres côr-de-rosa.

One of the best trees for side walk planting. It comes from the Amazon region. Flowers in November-December; then it loses its leaves and suggests a flowering peach-tree, being one of few trees of the genus Cassia that has red-pink flowers.

CÁSSIA MULTIJUGA Rich.
(Leg. Caes.)

Nome vulgar: CANUDEIRO

Observações: Árvore eminentemente ornamental, uma vez que suas folhas são perenes. É notável entre os vegetais de formação secundária, devido à coloração amarelo-vivo das flôres que lhe revestem totalmente a copa. É muito requente na flóra do Distrito Federal.

Floração: Floresce nos meses de Fevereiro, Março e Abril, simultaneamente com as Tibouchinas (quaresmeiras).

Tree highly appreciated for ornamental purposes, its leaves being perennial; it is very showy among the second growth forest trees because its rich yellow flowers completely cover the crown. Very common in the woods of the Federal District. Flowers from February to April simultaneously with Tibouchina – “quaresmeira”.

Págs. 2

[Álbuns Florísticos]