IPÊ
Texto: João Geraldo Kuhlmann
Pintura: J. B. de Paula Fonseca

TECOMA CHRYSOTRICHA Mart.
(Bignoniaceae)

Nome vulgar: “IPÊ TABACO”

Observações: É muito comum no Distrito Federal e no Estado do Rio de Janeiro. Cresce nas serras, em terras pedregosas. Tendo a copa pouco frondosa, presta-se para ornamentar parques e jardins em que se não deseje muita sombra.

Floração: Como é comum entre os ipês, este começa a florescer mais ou menos aos 3 anos de idade, com 2-3 m. de altura. As flôres muito decorativas, são de côr amarelo-vivo.

This tree is very common in the Federal District and in the State of Rio de Janeiro. It grows on mountains in rocky soils. As the crown is not thick, it is useful in parks and gardens where not much shade is required.

As is common with the “ipês”, this tree begins blooming when about 3 years old; being 2-3 m. high. The flowers, very decorative, are of a bright yellow color.

TECOMA UMBELATA Sond.
(Bignoniaceae)

Nome vulgar: “IPÊ AMARELO”

Observações: Indica-se para arborisação urbana ornamentação de parques e jardins. Habita Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, - (Serra da Estrêla), etc..

Floração: Nos mêses de Outubro e Novembro cobre-se completamente de flôres amarelas muito vistosas.

Indicated for urban arborisation and for decorating parks and gardens. Its habitat is Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro (Serra da Estrela), etc.

Blossom in October and November, covering entirely with beautiful yellow flowers.

TECOMA ALBA Cham.
(Bignoniaceae)

Nome vulgar: “IPÊ MANDIOCA”

Observações: Encontra-se nos Estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Presta-se para arborisação, de praças, jardins e parques.

Floração: A fôr é de grande valôr decorativo. Como todos os ipês, despe-se inteiramente das fôlhas, para cobrir-se de flôres. Floresce nos mêses de Agosto, Setembro e Outubro, e, excepcionalmente, até Dezembro, em certos lugares

It is found in the States of Rio de Janeiro (Serra dos Orgãos), Minas Gerais (Poços de Caldas), São Paulo, Paraná, Santa Catarina and Rio Grande do Sul. Suitable for arboriculture in squares, gardens and parks.

The flower is of a great decorative value. As it is the case with other “ipês”, the tree entirely loses its leaves when in flower. Blossoms from August to October, and exceptionally, in some regions, until December.

Págs. 2

[Álbuns Florísticos]